• fberringer

CIDADES E BAIRROS PLANEJADOS: O FUTURO CHEGOU.

Projetos vêm crescendo bastante nas cidades próximas às capitais por conta da segurança, lazer e comodidade; entenda

Que tal participar dos novos empreendimentos de sucesso do mercado imobiliário? Ou pelo menos começar a ficar de olho como isso funciona? Interessante, né? Iremos abordar os bairros planejados: os novos nichos do mercado. Diversas pessoas estão procurando viver em locais assim, com conforto e tranquilidade. Por isso, se você quer saber mais sobre esse tipo de empreendimento e oferecer a um grupo de clientes específicos, veja nossas explicações claras e simples. As normas de ocupação e a gestão da comunidade Temos que ter em mente que esses bairros planejados aqui no Brasil são projetos totalmente pensados, pois em nossa cultura é muito difícil ter locais assim. Por isso, um dos motivos de total sucesso desse tipo de empreendimento são as normas de ocupação e a gestão da comunidade ali instalada. Pois cada imóvel que for construído nesse bairro vai determinar a organização na vida da comunidade dessa região, dependendo de cada edificação. Mas por que precisamos disso? Pelo simples fato de ter que unir tudo o que forem fazer nesses bairros, como a moradia, o trabalho e o lazer. Tudo isso depende das normas e da gestão. Simples e direto. Velocidade de ocupação Essa talvez seja uma das partes mais difíceis do processo de construção de bairros planejados: a velocidade de ocupação. Mas por que é tão difícil? Porque ela é totalmente relevante para o sucesso desse empreendimento. Pelo simples fato de que para construir algo desse estilo é necessário um alto grau de investimento das partes envolvidas, pois tudo é organizado e construído de forma detalhada. Desse modo, a ocupação que deveria ser rápida para suprir as necessidades financeiras dos que construíram o bairro pode demorar bastante tempo, muitas vezes por anos.

Crescimento das cidades brasileiras

Outro fator importantíssimo na construção de um bairro planejado é pensar onde ele está se instalado. Pois ela está totalmente vinculada com as taxas de crescimento populacional das cidades brasileiras.

Quando for construir um empreendimento desse porte que deve chegar na maioria das vezes em 40 mil habitantes, as partes envolvidas no projeto devem estudar se a cidade onde estão instalando esse bairro consegue receber esse número de pessoas, se ela suporta esse aumento populacional. Assim o nível de valorização continua alto.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo